sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

A Metralhadora Perigosa

É raro encontrarmos na História caso em que uma nova arma, já fabricada ou ainda em fase de estudos, tenha sido considerada pelas autoridades como muito cruel ou destrutiva. Não obstante, foi exatamente isso que aconteceu quando o inventor de uma arma de disparos múltiplos - certo tipo de metralhadora -, um engenheiro chamado Du Peron, ofereceu sua invenção a Luís XVI da França, em 1775, Luís e seus ministros recusaram a arma, por achar que ela mataria muitas pessoas ao mesmo tempo. Se levarmos em consideração a opinião do dr. Edward Teller, conhecido como "o pai da bomba H", chegaremos à conclusão de que Luís XVI estaria ligeiramente desatualizado no mundo das guerras modernas. O dr. Teller calculou que a explosão da bomba H em uma grande área metropolitana causaria a morte de cerca de 10 milhões de pessoas, enquanto "uma guerra nuclear de grandes proporções poderia eliminar alguns bilhões de seres humanos".

Charles Berlitz
O livro dos Fenómenos Estranhos
Enviar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mensagens populares

Recomendamos