sexta-feira, 23 de novembro de 2018

Mistérios da história que só foram solucionados depois de décadas - Círculos em campos



Mistério: círculos que surgem em campos e plantações também já foram associados à ação de extraterrestres. Como eles apareceram? Com que objetivo foram feitos? Será que seres humanos são realmente capazes de criar formas tão complexas em apenas uma noite?

Explicação: descobriu-se que até mesmo as figuras geométricas mais complicadas podem ser criadas em campos com a ajuda de instrumentos simples, como cordas ,escadas e tábuas de madeira. O jornal britânico The Telegraph chegou a publicar instruções de como fazer esse trabalho.


Mais Informações - Link

quarta-feira, 21 de novembro de 2018

Mistérios da história que só foram solucionados depois de décadas - Os famosos OVNIs do caso Roswell



Mistério: em 1947, em Roswell (EUA) caiu algo que durante muito tempo foi considerado um OVNI. O governo não deu uma resposta satisfatória, então a história deu origem a muitos boatos e teorias sobre a presença de extraterrestres..

Explicação: naquela época, os EUA estavam em meio à Guerra Fria, e a Força Aérea americana trabalhava no Projeto Mogul, voltado à observação das experiências nucleares soviéticas. Um desses aparelhos caiu e explodiu. Como o projeto era secreto e as explicações dadas pelos governantes não foram satisfatórias, surgiram diversos rumores sobre o ocorrido.

Mais Informações - Link

segunda-feira, 19 de novembro de 2018

Mistérios da história que só foram solucionados depois de décadas - Quem é Banksy?



Mistério: Banksy é o pseudônimo de um artista de rua, ativista político e diretor britânico. Ele não gosta dos holofotes e não revela sua identidade, o que sempre deu margem a muitos rumores envolvendo sua biografia.

Explicação: há pouco tempo, pesquisadores da Universidade Queen Mary de Londres, com a ajuda da tecnologia, reduziram o círculo de suspeitos e concluíram que o verdadeiro nome de Banksy é Robert Banks. A teoria ganhou força diante do estilo de vida recluso e o tipo de atividade desenvolvida pelo próprio Banks.

Mais Informações - Link

sábado, 17 de novembro de 2018

Mistérios da história que só foram solucionados depois de décadas - Qual foi o destino dos maias?



Mistério: os maias formaram uma antiga civilização que possuía conhecimentos avançados sobre escrita, arte, arquitetura, matemática e astronomoa. Porém, a próspera sociedade abandonou suas próprias cidades de pedra e se foi, mas ninguém sabe o porquê.

Explicação: num estudo publicado no site da Academia Nacional de Ciências Científicas, foi revelado que os maias queimaram e desmataram a vegetação com o intuito de abrir espaço para a agricultura, usando as árvores também como materiais de construção. Por conta desse rápido desmatamento e das secas, precisaram abandonar a península de Yucatan (onde hoje fica Cancun) para evitar a fome.

Mais Informações - Link

quinta-feira, 15 de novembro de 2018

Mistérios da história que só foram solucionados depois de décadas - Imagens de tecnologias modernas no templo de Seti I



Mistério: os hieróglifos egípcios encontrados no templo de Seti I, em Abidos, no Egito, são mesmo intrigantes. Eles representam algo que lembram um helicóptero, um dirigível e um submarino. A descoberta provocou muitas controvérsias entre arqueólogos e egiptólogos. Alguns deles chegaram a afirmar que os hieróglifos realmente retratavam helicópteros, submarinos e aviões.

Explicação: recentemente, um historiador descobriu que esses hieróglifos eram, na realidade, os nomes de Seti I e Ramsés II, sobrepostos um por cima do outro. Só que o nome de Ramsés II foi entalhado sobre o nome de seu pai, após sua morte.

Mais Informações - Link

terça-feira, 13 de novembro de 2018

Mistérios da história que só foram solucionados depois de décadas - Os moais da Ilha da Páscoa


Mistério: historiadores e arqueólogos passaram quase 300 anos tentando entender como monólitos enormes pesando até 83 toneladas (os moais) foram posicionados numa ilha primitiva, que não dispunha de instrumentos necessários. As peças foram arrastadas por vários quilômetros e dispostas verticalmente, como muita gente já viu.

Explicação: as antigas estátuas de pedra não foram construídas por obra da magia, e sim talhadas em pedra do outro lado da ilha, e então, transportadas para onde as vemos hoje. Um time da National Geographic mostrou como, com um trabalho em equipe e usando dispositivos simples, é possível movimentar uma estátua de pedra com 90 toneladas ao longo de alguns quilômetros.

Mais Informações - Link

domingo, 11 de novembro de 2018

Mistérios da história que só foram solucionados depois de décadas - Barulhos do fundo do oceano




Mistério: outro som estranho, esse oriundo do fundo do Oceano Pacífico. Em 1997, sensores registraram sons de frequência muito baixa, parecendo rugidos. Considerando a distância percorrida por aquele barulho, a criatura que o emitiu só poderia ser muito maior que uma baleia azul. Fãs de mitologia afirmaram que as coordenadas associadas à emissão daquele som indicavam que o lugar de origem era muito perto do local onde o escritor H. P. Lovecraft teria posicionado a cidade fictícia de R’lyeh, onde dorme a entidade cósmica Cthulhu.


Explicação: enquanto os criptozoólogos fantasiavam sobre a existência de uma criatura gigantesca, a Administração Nacional Oceânica e Atmosférica dos EUA (NOAA) explicou que um barulho similar é criado quando uma camada de gelo desprende da Antártida, chocando-se contra o fundo do oceano. Eles inclusive conseguiram registrar um segundo sinal desses.

Mais Informações - Link

sexta-feira, 9 de novembro de 2018

Mistérios da história que só foram solucionados depois de décadas - Sinal alienígena “Uau!”


Mistério: em 1997, um estranho sinal foi captado do espaço. Era tão único e inesperado que os pesquisadores o batizaram simplesmente de “Uau!”. Durante todos esses anos, tentaram decodificar o sinal, determinando de que galáxia ele vinha e tentando capturá-lo novamente, mas sem sucesso. Por isso, muitos passaram a acreditar que aquilo era obra de extraterrestres.

Explicação: um estudo de 2017 acabou com todas essas esperanças: a fonte do sinal era o hidrogênio presente na superfície dos cometas 266P/Christensen e 336P/Gibbs, cuja passagem pela constelação de Sagitário aconteceu em 15 de agosto de 1977 e em 27 de julho de 2017. Pois é: o sinal misterioso era um fenômeno natural, causado por dois cometas em trânsito.

Mais Informações - Link